Manifestação reúne mais de 10 mil estudantes e trabalhadores (as) no DF

Mais de 10 mil pessoas, entre estudantes e trabalhadores (as), unidos pelo futuro do Brasil, realizaram uma grande manifestação na Esplanada dos Ministérios em Brasília nesta sexta-feira (12), das 10h às 14h.

O “Grande ato da Educação” desafiou o governo Bolsonaro e trouxe também temas como o fim da aposentadoria, contra a reforma da Previdência e a luta contra o desemprego. Técnicos-administrativos em Educação e coordenadores da FASUBRA Sindical somaram-se ao movimento, juntamente com diversas entidades e centrais sindicais. Entidades da base da FASUBRA próximas a Brasília também se fizeram presentes.

Estudantes de todo o país reunidos na capital desde quarta-feira (10) para o maior congresso estudantil da América Latina, a 57ª edição do Congresso da União Nacional dos Estudantes (UNE), mostraram determinação e a força da juventude para resistir aos retrocessos e sucessivos ataques do atual governo, não só contra a Educação. O Conune vai até 14 de julho e conta com uma programação diversificada, com o tema “Na sala de aula é que se muda uma nação”.

Diversos parlamentares também participaram do protesto e discursaram no carro de som, principalmente contra a nefasta proposta de reforma da Previdência, em votação no Plenário da Câmara dos Deputados. Representantes de entidades sindicais da Educação e entidades estudantis revezaram com os deputados (as) federais e criticaram o desmonte da Educação e da Previdência Social. A próxima mobilização nacional da Educação está marcada para o dia 13 de agosto.

Confira como foi a manifestação em fotos: