UnB devolve matrícula a aluno perseguido pela ditadura militar

15:12 | 24 de junho de 2010

Câmara de Ensino e Graduação da UnB decide por unanimidade reintegrar estudante vetado pelo vice-reitor José Carlos de Almeida Azevedo
Depois de 40 anos, Iraê Sassi voltará a ser calouro. A Câmara de Ensino e Graduação da Universidade de Brasília aprovou, por unanimidade, nesta terça (22 de junho), a reintegração dele ao curso de Letras/Tradução. A decisão devolve ao paulistano de 59 anos o direito de estudar na UnB, que havia sido confiscado pela ditadura militar (1964-1985). “Estou muito feliz, luto por isso há anos”, desabafou Iraê, ao receber a notícia sobre sua readmissão.
Leia Mais…
Fonte: UNB On Line

Categorizados em: