Grevistas pedem ao reitor que interceda pela URP no Supremo

14:27 | 8 de julho de 2010

José Geraldo vai conversar com o ministro Ayres Brito, mas considera que servidores não devem condicionar fim da greve à decisão judicial
O reitor José Geraldo de Sousa Junior vai pedir ao ministro Ayres Brito, do Supremo Tribunal Federal (STF), agilidade no julgamento de liminar que pede a manutenção do pagamento da URP aos servidores técnico-administrativos da Universidade de Brasília.
O pedido do encontro foi feito pelo Comando de Greve, em reunião com a administração nesta quarta-feira, 7 de julho. A decisão de procurar o reitor foi tomada durante a última assembleia da categoria, no dia anterior, quando os servidores decidiram manter a greve, que já dura 114 dias e é a mais longa da história da UnB.
Leia Mais…
Fonte: UnB On Lin

Categorizados em: