FASUBRA solicita à Presidenta Dilma mediação para retomar Agenda de Negociações

15:14 | 30 de agosto de 2011

Com a greve da categoria chegando a 82 dias sem proposta efetiva à pauta de reivindicações, a FASUBRA Sindical decidiu por enviar ofício ao Palácio do Planalto, mais precisamente à Presidenta da República Dilma Rousseff, com objetivo de restabelecer as negociações com o Comando Nacional de Greve.

O documento, assinado pelos três coordenadores da Federação, Léia de Souza Oliveira, Paulo Henrique dos Santos e Rolando Malvásio, informa à presidente a causa principal de a categoria ter deflagrado a greve em 01 de junho passado: o não cumprimento do Termo de Compromisso firmado em 2007.

A coordenação Geral da FASUBRA relata os apoios que a greve tem conseguido conquistar, como de parlamentares, gestores e até mesmo do Ministro da Educação, Fernando Haddad, no sentido de solucionar tentar solucionar o impasse e retomar a normalidade no ambiente de trabalho dos TAE´s, ou seja, as universidades públicas brasileiras.

O texto faz referência também à recente ratificação da convenção 151 da OIT, e na regulamentação da negociação coletiva no serviço público, e ressalta o esforço das centrais sindicais que foram recebidas pelo Secretário Geral da Presidência, que afirmou categoricamente, que “não é política de governo não receber entidades em greve”.

A expectativa da Federação agora é de que a Presidente intermedie a retomada da negociação com a Federação, de modo a resolver o impasse.

A íntegra ofício está disponibilizada no IG Nº 13.

Categorizados em: