FASUBRA se solidariza com a professora Camila Marques do IFG

A FASUBRA Sindical manifesta sua solidariedade a professora do Instituto Federal de Águas Lindas/GO (IFG) e coordenadora geral do Sinasefe (Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica), Camila Marques, presa na manhã desta segunda-feira (15), em seu local de trabalho.

A Federação destaca ainda a indignação com as atitudes agressivas dos policiais com educadores (as), pois defende uma educação pública, democrática, gratuita e de qualidade.

A polícia civil de Goiás estava no campus desde o início das atividades acadêmicas e a professora foi presa por “filmar” a ação que investigava uma suporta ameaça de atentado. Camila foi liberada no início da tarde.

Foto: Sinasefe.