Fasubra Sindical

Switch to desktop Register Login

CPI da Previdência agenda primeira audiência para quarta-feira

 

Na ocasião, foi aprovado requerimento para que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) encaminhe a lista dos mil maiores devedores da Previdência e os valores das dívidas à CPI.

 

A Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI) da Previdência se reuniu pela primeira vez nesta terça-feira, 02. Foram aprovados 106 requerimentos, solicitando a participação de autoridades e especialistas nas audiências públicas.

 

De acordo com a Agência Senado, os convidados para as audiências são os ministros da Transparência, Fiscalização e Controladoria-Geral da União, Torquato Jardim; da Fazenda, Henrique Meirelles; e do Planejamento, Dyogo Oliveira. Deverão ser convidados também os secretários da Previdência, Marcelo Caetano; da Receita Federal, Jorge Rachid; e do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi; bem como o procurador-geral da Fazenda Nacional, Fabrício da Soller. O relator da reforma da Previdência na comissão especial da Câmara dos Deputados, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), também deverá ser convidado.

 

Na ocasião, foi aprovado requerimento para que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) encaminhe a lista dos mil maiores devedores da Previdência e os valores das dívidas à CPI.

 

A primeira audiência acontece dia três de maio, às 14h, entre os convidados estão os representantes do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (Sinait); do Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz); do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Sindfisco); e da Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil (Anfip).

 

 

Audiência pública da CPI da Previdência

Dia: 03 de maio

Hora: 14h

Local: Comissões - Senado Federal

 

 

Reforma Trabalhista tramita no Senado

 

A Reforma Trabalhista acaba de ser numerada no Senado Federal como Projeto de Lei da Câmara (PLC) 38/2017. O projeto será analisado na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) e, em seguida, na Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

 

 

Com informações: Agência Senado

Foto: Edilson Rodrigues - Agência Senado

 

Assessoria de Comunicação FASUBRA Sindical